Projeto Aulão do Bem - Crédito: Mariana Salles

Projeto Aulão do Bem completa 1 ano oferecendo aulas de ballet gratuitas ao público maduro

Iniciativa de Lu Fernandez, do Instagram @balletaos60 oferece edição de aniversário, no dia 03 de fevereiro, na escola Âmbar, em Niterói.

No sábado, 03 de fevereiro, o Aulão do Bem, projeto que tem reunido amantes do ballet de todas as idades, celebra 1 ano com três aulas na Âmbar, escola de dança da Ana Botafogo, madrinha do projeto e presença marcada na comemoração.  As aulas serão ministradas pelas professoras Claudia Freitas e Mirian Moll, e contam com inscrições de bailarinos de diversas regiões do Rio, como de outros estados do Brasil.  Interessados em participar, podem entrar em contato com o Instagram @balletaos60. Conheça mais sobre o Aulão do Bem:

 O Aulão do Bem é um movimento que vem crescendo pelo Rio de Janeiro, unindo pessoas em prol da dança com propósito. A iniciativa da Lu Fernandez que, aos 60 anos resolveu dançar, é incentivar outros adultos a realizarem seus sonhos, independentemente da idade ou do físico. O propósito de reunir amantes da dança com mais de 60 anos, tem atraído também adultos de 20, 30, 40, 50…

 Mas, calma. O que menos importa aqui é a idade. A proposta é quebrar paradigmas, realizar sonhos, e dançar. Uma vez ao mês, esse grupo se encontra para fazer aulas de ballet, aproveitando para contribuir com donativos, que são doados a instituições da cidade. Ao longo do ano, mais de 500 pessoas passaram pelas aulas, onde foram arrecadadas mais de 800 latas de leite em pó, 110 kg de alimentos e cerca de 8 mil em dinheiro. 

 Lu, empresária do segmento de vestuário para dança, conta que o ballet sempre foi um sonho, que ela acabou postergando. O tempo passou e se sentiu velha para iniciar o sonho. Quando pensou em deixar, mais uma vez de lado, colocou em prática. A alegria foi tão grande, que ela decidiu partilhar com outros no Instagram @balletaos60. Tamanho foi o incentivo, que passou a desejar incentivar outros a dançar, a combater o idadismo, a sair da zona de prisão de crenças limitantes, a deixar de lado, todo e qualquer preconceito.

“O Aulão do Bem me realiza como pessoa, e me faz ser alguém melhor na sociedade. Tem uma energia incrível e especial, quando me reúno com outros da minha idade ou bem mais novos. Há muitos que participam de todas as edições, tem os que iniciam uma aula no projeto e passam a estudar em uma escola de ballet. Outros, fazem sempre com a gente, mesmo que uma vez ao mês. Tem bailarinos que se deslocam de outras cidades do Rio, e também do estado, só para nos apoiar. Dividimos histórias, conquistamos amigos, e dançamos, ajudando ainda o próximo, com as campanhas de donativos que fazemos”, conta.

Para este ano, Lu decidiu apoiar o Retiro dos Artistas, que tem precisado de alimentos. Nessa edição, os participantes do aulão, apoiarão com três latas de leite em pó. 

Lu ainda revela que é mais do que dançar, é uma contribuição para o mundo, que mesmo que pequena, se torna grande, quando junto a outros. 

“Em uma das aulas, uma participante dividiu com a sala sobre seu processo de cura contra o câncer. E, falou da importância da dança nesta jornada. Todos nos emocionamos. Aquele dia foi um momento lindo de partilha, onde construímos um elo. É isso que é o Aulão do Bem. A dança é o foco central que conecta pessoas com a mesma paixão, mas a iniciativa nos faz seres humanos melhores, nos une e ainda mostra que não podemos desistir de nossos sonhos, não importa quais sejam. Devemos romper barreiras, sobretudo da idade. Que possamos alcançar ainda mais pessoas”. Finaliza.

Serviço:

Aulão do Bem em celebração ao aniversário de 1 ano do projeto

Data: 03 de fevereiro – sábado

Horários: 13h | 14:30h

Informações: Instagram @balletaos60

A Escola Âmbar fica na rua Álvares de Azevedo, 179 – Icaraí, Niterói – RJ.

Posts Relacionados

Funcionamento durante o feriado de Corpus Christi: horário da Rede Supermarket varia de acordo...

Rolar para cima