Emilio Orciollo Netto encena ‘Também queria te dizer – cartas masculinas’ no Sesc Niterói, no dia 30/11

Ator vivencia angústias e alegrias de seis personagens em peça adaptada de livro de Martha Medeiros

Também queria te dizer Crédito Alex Santana 1

 O ator Emilio Orciollo Netto (o Murilo da novela “Amor à vida”) chega a Niterói com seu primeiro monólogo “Também queria te dizer – cartas masculinas”, uma adaptação do livro “Tudo que eu queria te dizer”, da escritora Martha Medeiros, que teve mais de 100 mil cópias vendidas. Com direção de Victor Garcia Peralta, a peça conta a história de um artista plástico que faz uma instalação usando cartas e se permite viver a vida dos remetentes de algumas delas, narrando seus desabafos. O espetáculo terá única apresentação no dia 30 de novembro (sábado), às 20h, no Sesc Niterói. Os ingressos custam R$ 10 e R$ 20.

No palco, Emilio retrata, em primeira pessoa, relatos de seis homens, expressando com humor suas mágoas, medos e alegrias. Entre os temas estão traição, culpa, relação entre pais e filhos, etc. São pedidos de perdão, desejos de vingança, revelações bombásticas em situação trágicas e hilariantes, narradas com a sensibilidade característica da autora.

O ator encarou a peça como um grande desafio. Ele tinha mais de 20 anos de carreira e sentiu que havia chegado o momento de encenar um monólogo. “Procurei o Victor Garcia Peralta, um diretor que admiro há algum tempo, propondo um trabalho, e ele me apresentou o livro de Martha Medeiros. Quando li, fiquei fascinado com as cartas e com a possibilidade de contá-las”, afirma Emilio.

A peça estreou no fim de 2012 e fez uma temporada de sucesso no Rio.

Também queria te dizer Crédito Alex Santana 2

Sobre o ator

Emilio Orciollo Netto é ator desde os 15 anos de idade. Estreou na TV, em 1996, com a novela “O Rei do Gado” (TV Globo). De lá pra cá, já atuou em outras 10 novelas e em seis séries e minisséries. Entre seus últimos trabalhos estão o Príncipe Sandra em “Gabriela” e Néca Tenório em Araguaia. No cinema, estrelou a comédia “E aí, comeu?”, que somou mais de 2 milhões de expectadores, entre outros filmes. No teatro, já encenou 14 peças, entre elas montagens de “O beijo no asfalto” e “Os difamantes”.

Sobre o diretor

Victor Garcia Peralta se formou no Piccolo Teatro de Milano, na Itália. Na Argentina, foi premiado com o Molière de Melhor Diretor pelo espetáculo “Las lágrimas amargas”. Também foi premiado pelas versões em espanhol das peças “Querido mundo” e “Como encher um biquíni selvagem”, de Miguel Falabella e Maria Carmen Barbosa. Dos dois autores, dirigiu outras adaptações como “A Partilha”, “Síndromes” e “Submarino”. Também esteve à frente de espetáculos como “Não sou feliz, mas tenho marido”, “Os homens são de Marte e é pra lá que eu vou”, de Monica Martelli, premiado com o Qualidade Brasil de Melhor Direção, e “Tudo que eu queria te dizer”, de Martha Medeiros, encenada pela atriz Ana Beatriz Nogueira.  

 Ficha técnica

Texto: Martha Medeiros

Ator: Emilio Orciollo Netto

Direção: Victor Garcia Peralta

Direção de produção: Maria Siman

Assistente de direção: Leo Paes Leme

Trilha sonora: Plínio Profeta

Cenário: Miguel Pinto Guimarães

Figurino: Emilio Orciollo Netto e Victor Garcia Peralta

Iluminação: Luciano Xavier

Produção executiva: Joana D´Aguiar

Serviço

Peça teatral “Também queria te dizer – cartas masculinas”

Sesc Niterói: Rua Padre Anchieta, 56.

Tel.: 2719-9119

30/11/2013 (sábado), às 20h

Ingressos: 10 (associados Sesc), R$ 20 (estudantes, jovens de até 21 anos e maiores de 60 anos), R$ 20 (inteira)

Duração: 60 minutos

Classificação etária: 12 anos

Deixe seu comentário. Participe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: