Raoni e Dandara Ventapane_Divulgação

Roda de samba dos netos de Martinho da Vila agita o Sesc São Gonçalo no Dia do Trabalhador

Show acontece às 15h. Ingressos devem ser retirados na unidade

O Sesc São Gonçalo celebra o Dia do Trabalhador, na próxima segunda-feira (1/05), com uma roda de samba comandada pelos sambistas Raoni e Dandara Ventapane, netos de Martinho da Vila. O show acontece a partir das 15h e integra o projeto “Rodas de Samba”, do Sesc RJ, que apresenta grupos representativos do samba carioca, oferecendo ao público um panorama contemporâneo das rodas de samba da cidade. Os ingressos devem ser retirados antecipadamente nas unidades.

Os irmãos vão colocar todo o mundo para cantar e sambar ao som de grandes sucessos do avô e de outros nomes, como Dona Ivone Lara e Jovelina Pérola Negra, Almir Guineto, Arlindo Cruz e Zeca Pagodinho. Além do show da dupla, outras rodas de samba vão acontecer, no mesmo dia e horário, nas unidades do Sesc em Ramos e na Tijuca, no Rio, e em Nova Iguaçu e São João de Meriti, na Baixada.

No Rio, o Sesc Ramos recebe o show do grupo Jequitibá do Samba, que vai homenagear o “Samba na Madrugada”, importante disco lançado em 1966 por Paulinho da Viola e Elton Medeiros. O álbum resgata as tradições do samba por meio de parcerias com os baluartes da batucada: Cartola, Mauro Duarte, Zé Keti, Hermínio, Candeia e Casquinha.

As sambistas do Sambariah vão apresentar no Sesc Tijuca grandes canções de compositoras e intérpretes do gênero, como Dona Ivone Lara, Jovelina, Clementina, Clara Nunes, Beth Carvalho, Leci Brandão, Ana Carolina, Mart’nália, Zélia Duncan, Thereza Cristina. Também vão jogar na roda trabalho autoral.

A trombonista Kátia Preta apresenta a roda de samba Tem Preta na Roda no Sesc Nova Iguaçu também às 15h. A artista, com sua banda, vai apresentar ao público um panorama dos variados subgêneros em que se desenvolveu o samba como o samba de partido-alto, o samba-enredo e o samba-de-breque.

No Sesc São João de Meriti, o grupo Arruda, que vai completar 18 anos de carreira este ano, vai apresentar um espetáculo com um repertório de canções que são importantes na trajetória do grupo, incluindo as autorais e as de outros compositores ícones do samba.

O projeto Rodas de Samba é uma iniciativa que tem como objetivo valorizar e difundir o samba, gênero musical reconhecido como patrimônio cultural brasileiro pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Para isso, o Sesc RJ reúne expressivos grupos identificados pelos seus lugares de memória social, repertórios e tradição.

Serviço

Rodas de Samba do Dia do Trabalhador

Data: 01/05, às 15h

Local: Sesc São Gonçalo (Avenida Pres. Kennedy, 755, Estrela do Norte); Sesc Ramos (Rua Teixeira Franco, 38); Sesc Tijuca (Rua Barão de Mesquita, 539); Sesc Nova Iguaçu (Rua Dom Adriano Hipólito, 10, Moquetá) e Sesc São João de Meriti (Avenida Automóvel Clube, 66, Centro).

Ingressos: devem adquiridos nas bilheterias das unidades.

2 comentários em “Roda de samba dos netos de Martinho da Vila agita o Sesc São Gonçalo no Dia do Trabalhador”

    1. Olá Luiza, tudo bem?

      Publicamos toda semana novidades na programação do SESC São Gonçalo e Niterói. Inscreva-se em nossa newsletter para receber estas informações em primeira mão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

Barulho dos vizinhos – Vivemos em uma época em que a paz...

Rolar para cima