10 de Julho – Dia Internacional da Pizza, nossa paixão nacional

Dia da Pizza é comemorado em 10 de julho no Brasil.

Esta data homenageia uma das invenções culinárias mais apreciadas por diversas pessoas ao redor do mundo, em especial os brasileiros: a pizza.

Dia da Pizza: A data é comemorada no dia 10 de julho desde 1889, quando o rei Umberto I e a rainha Margherita provaram uma pizza pela primeira vez. A receita realizada por Rafaelle Esposito, em Napóles, na Itália, no século XIX, foi recheada com ingredientes que remetiam às cores da bandeira italiana: mussarela (branco), tomate (vermelho) e manjericão (verde), dando origem à pizza Margherita.

Made in Italy: Considerada um símbolo nacional, engana-se quem acha que a pizza italiana é feita apenas com ingredientes produzidos no país. Da mussarela da Lituânia ao molho concentrado chinês, do azeite de oliva da Tunísia ao trigo canadense, quase duas em cada três pizzas servidas na Itália usam uma mistura de produtos importados. 

Muitos historiadores, no entanto, acreditam que a origem da pizza não esteja na Itália, mas sim entre os antigos povos egípcios, hebreus e até chineses.

Estudos indicam que há mais de seis mil anos, hebreus e egípcios já produziam pães que tinham como base a receita da pizza contemporânea.

No Brasil, São Paulo, devido à forte imigração italiana, é conhecida como a capital nacional da pizza. Neste dia, as pizzarias costumam fazer festas, promoções ou descontos para os clientes.

Mas o Rio de Janeiro não fica muito atrás, e ninguém duvida que os cariocas comemoraram este dia consumindo grandes fatias de pizza, com sabores tão variáveis quanto inusitados.

E por falar em sabores inusitados, veja agora qual o ranque dos sabores mais pedidos no Brasil.

Há 50 mil pizzarias no Brasil, entre estabelecimentos formais e informais. Metade delas fica em São Paulo, seguida por Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Bahia.

Preferências e manias de cada cidade

SÃO PAULO
1. Mussarela
2. Calabresa
3. Portuguesa e frango com catupiry
A pizza paulistana: São Paulo é a única onde a boa mussarela domina os paladares — apesar de ser a única também onde pizza de calabresa não leva queijo. E apenas em São Paulo se prefere massa média.
Exotismos: Pizza de sushi, couve-manteiga.

PORTO ALEGRE
1. Calabresa
2. Portuguesa
3. Coração de galinha, napolitana e marguerita
A pizza porto-alegrense: Até mesmo na pizza, gaúcho gosta de churrasco. Entre os pedidos tradicionais por lá estão sabores como coração de galinha e estrogonofe.
Exotismos: Pizza de costela bovina, de iscas de vazio (fraldinha) e de carpaccio.

RIO DE JANEIRO
1. Calabresa
2. Marguerita
3. Portuguesa
A pizza carioca: Cariocas querem doçura. Enquanto a média nacional de pizza doce é de 5%, no Rio de Janeiro chega a 15%. Em algumas pizzarias, o número vai a 30%.
Exotismos: Pizza de linguiça de avestruz defumada e a inacreditável pizza de petisco para comer à beira da praia (mussarela, calabresa, presunto, lombinho, salame).

BELO HORIZONTE
1. Marguerita
2. Frango com catupiry
3. Calabresa
A pizza belo-horizontina: Queijo e mineiro estão intimamente ligados. As preferências em Belo Horizonte são diversificadas, mas quase sempre incluem o laticínio.
Exotismos: Pizza de fondue de queijo (mussarela, fondue, presunto de Parma).

SALVADOR
1. Portuguesa
2. Frango com catupiry
3. Marguerita ou calabresa
A pizza soteropolitana: Não dá para ver pelo top 3, mas logo atrás das tradicionais vêm sabores mais litorâneos, como pizzas de camarão, peixe ou frutos do mar.
Exotismos: Pizza de acarajé (mussarela, vatapá e camarão) e de bacalhau desfiado com coentro e ovos.

Fonte: https://super.abril.com.br/saude/grafico-de-pizza-qual-o-sabor-de-pizza-mais-pedido-do-brasil/

Deixe seu comentário. Participe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: