Postado em 19 de março de 2015, por bernardo

Sesc

Foto: Leo Aversa - Crédito obrigatório.
Baseado em livro homônimo de Ruy Castro e com composições inéditas de Nei Lopes, musical ‘Bilac vê estrelas’ chega ao Sesc São Gonçalo

Com direção de João Fonseca, espetáculo resgata referências culturais do Rio de Janeiro no início do século XX 

Após temporada de sucesso de público e crítica em sua estreia no Teatro Sesc Ginástico, em janeiro e fevereiro, o musical “Bilac vê estrelas” começa em março uma turnê pelo Rio, com duas apresentações no Sesc São Gonçalo nesta sexta (20/3) e sábado (21/3). A peça pode ser descrita como uma ode ao Rio de Janeiro ao fazer uma viagem pelas suas histórias e ruas no período da reforma urbanística de Pereira Passos.

Baseado em livro homônimo de Ruy Castro, a obra se transforma em comédia musical pelas mãos de Heloisa Seixas e Julia Romeu, com direção de João Fonseca. Para assinar a trilha, um carioca acima de qualquer suspeita: Nei Lopes, que compôs nada menos do que 17 músicas inéditas especialmente para o espetáculo.

“‘Bilac vê estrelas’ é um musical brasileiro, de verdade! Mais do que brasileiro, é carioca. Além de ambientado no Rio, ele traz composições, feitas, letra e música, por Nei Lopes (e mais brasileiro e carioca do que ele, impossível!)”, exalta Heloisa Seixas.

A história se passa no início do século XX, em plena Belle Époque carioca, e apresenta personagens históricos como o poeta Olavo Bilac (André Dias) e o jornalista José do Patrocínio (Sergio Menezes), em uma trama cômica que mistura ficção e realidade. Os dois amigos têm que enfrentar a cobiça de uma espiã portuguesa (Izabella Bicalho), que se alia ao Padre Maximiliano (Tadeu Aguiar), ambos interessados no projeto de um dirigível, criado por Patrocínio. O elenco é formado ainda por Alice Borges, Reiner Tenente, Jefferson Almeida, Saulo Segreto e Gustavo Klein.

Para acompanhar as aventuras dos personagens pelas ruas do Rio e por cenários clássicos da cidade, como a Confeitaria Colombo, Nei Lopes compôs xotes, valsas, lundus, quadrilhas francesas, maxixes, fados, modinhas e até ária de ópera. Ele atendeu a um convite do próprio Ruy Castro e teve como base o texto da peça e uma sinopse das músicas escrita pelas autoras. “Tentamos pensar em temas que achávamos ter a ver com ele, e as letras saíram ainda mais incríveis do que havíamos imaginado”, celebra Heloisa.

Primeiro romance de Ruy Castro, ‘Bilac vê estrelas’ foi lançado em 2000. Em 2007, ele publicou ‘Era no tempo do rei’, que também deu origem a um musical, com o mesmo time: direção de João Fonseca e texto de Heloisa Seixas e Julia Romeu. O fato de já ser o segundo projeto de adaptação facilitou o trabalho. “Não apenas lemos o livro, mas mergulhamos na obra do Bilac, em seus poemas e crônicas, e estudamos muito o Rio do início do século XX. Essa época é muito charmosa e tem paralelos com o momento que estamos vivendo agora, de intensas mudanças na cidade”, acrescenta.

A direção musical é assinada por Luis Filipe de Lima. A ficha técnica se completa com Carol Lobato (figurinos), Nello Marrese (cenário), Suely Guerra (coreografia), Daniela Sanchez (iluminação).

Foto: Leo AversaFicha técnica

Baseado no livro ‘Bilac vê estrelas’, de Ruy Castro

Autoras: Heloisa Seixas e Julia Romeu

Música e letras de Nei Lopes

Diretor: João Fonseca

Diretor musical: Luís Filipe de Lima

Elenco: André Dias, Izabella Bicalho, Tadeu Aguiar, Alice Borges, Sergio Menezes, Reiner Tenente, Jefferson Almeida, Saulo Segreto e Gustavo Klein

Músicos: Daniel Sanches, Oscar Bolão

Cenógrafo: Nello Marrese

Figurinista: Carol Lobato

Coreógrafa: Sueli Guerra

Iluminadora: Daniela Sanchez

Sound Designer: Carlos Esteves

Projeto Gráfico: Radiográfico

Assistentes de produção: Luiza Toré e Isabela Reis

Produtora Executiva: Juliana Cabral

Diretora de produção: Amanda Menezes

Coordenação geral: Maria Angela Menezes

Foto: Leo Aversa

SERVIÇO

Espetáculo musical “Bilac vê estrelas”

20 e 21/03/2015 (sexta e sábado), 20h.

Sesc São Gonçalo: Av. Presidente Kennedy, 755. Tel.: (21) 2712-2342

Ingresso: R$ 5 (associados Sesc), R$ 10 (meia-entrada) e R$ 20 (inteira)

Classificação: Livre

Capacidade: 350 lugares

Duração: 100 minutos